Procurar Notícia


Em 11 anos, número de casos de sífilis no Brasil aumenta 16 vezes

Apenas no primeiro semestre de 2021, no Brasil, foram registrados cerca de 64.300 casos de sífilis adquirida. Este número é 16 vezes maior do que em todo o ano de 2010, quando 3.936 pessoas foram diagnosticadas com a infecção sexualmente transmissível (IST). Os dados são do Ministério da Saúde.

Os homens são a maioria dos infectados. Eles representam mais de 62% dos casos de disseminação da bactéria causadora da infecção.

O aumento expressivo da doença pode ser justificado pela falta de tratamento adequado – aumentando, assim, a disseminação – e a falta do uso de preservativo, como a camisinha.

A sífilis também pode ser transmitida para o bebê. Nos primeiros seis meses deste ano, 10.968 crianças menores de um ano de idade tiveram sífilis congênita, ou seja, quando é transmitida pela mãe.

Para as gestantes, a sífilis pode causar sérias complicações, como aborto espontâneo, parto prematuro e até mesmo o feto pode sofrer com malformação ou cegueira. (Metro1

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*