Procurar Notícia


Pela 3ª vez, Manuela D’Ávila perde em Porto Alegre

A jornalista Manuela D’Ávila (PCdoB), 39, foi derrotada hoje nas urnas pelo adversário, o advogado Sebastião Melo (MDB), 62, no segundo turno das eleições municipais de Porto Alegre. Foi a terceira tentativa da ex-deputada de comandar a Prefeitura de Porto Alegre. Desde 2018, quando concorreu ao cargo de vice-presidente da República ao lado de Fernando Haddad (PT), Manuela estava sem mandato.

Ontem, a candidata chegou a aparecer à frente em pesquisa Ibope, ainda assim tecnicamente empatada com Melo.

Em pronunciamento, ela salientou que enfrentou uma “campanha muito difícil” e uma das eleições “mais baixas da história”.

Também disse que “falar a verdade vale a pena” e agradeceu a família. “Não é fácil fazer escolhas no Brasil, mas fica mais fácil quando se tem amor do lado.” O primeiro dos fatores a explicar a queda de Manuela é a aliança feita com o PT, que aceitou abrir mão da cabeça de chapa —algo que nunca havia ocorrido— e colocar Miguel Rossetto (PT) de vice. Com histórico de bom desempenho na capital gaúcha (elegeu por quatro vezes o prefeito) e no Rio Grande do Sul (foi governo por duas vezes), a sigla passou a ter alta rejeição desde o impeachment de Dilma Rousseff, em 2016.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*