Procurar Notícia

Paciente faz exame RT-PCR para diagnóstico da Covid-19 e sofre vazamento de líquido cerebral

O teste RT-PCR, agora comum para diagnóstico da Covid-19, acabou levando uma americana de 40 anos para o centro cirúrgico nos Estados Unidos. A paciente se submeteu ao exame, em que uma espécie de haste flexível coleta secreção nasal ou da garganta, mas o procedimento causou um rompimento do revestimento da base do crânio dela, causando vazamento do líquido cefalorraquidiano (LCR) pelo nariz. A condição apresenta risco de infecção cerebral. As informações são da revista Galileu.

A paciente foi acompanhado por uma equipe de médicos de hospitais e clínicas da universidade americana de Iowa, nos Estados Unidos. O caso foi tema de um estudo no JAMA Otolaryngol Head Neck Surgery nesta quinta-feira (1).

Os autores do artigo ressaltam que o teste RT-PCR é um método seguro e eficaz, e que até onde se sabe esse foi o primeiro relato de vazamento de LCR após o teste nasal para Covid-19.

O problema resultante do teste no caso da mulher americana foi associado a combinação do procedimento com um problema de saúde pré-existente não diagnosticado, explica a reportagem.

De acordo com os especialistas, a complicação que levou ao incidente está relacionada a um tratamento que a paciente havia feito duas décadas antes para hipertensão intracraniana, uma condição em que o LCR aumenta a pressão ao redor do cérebro. (Bahia Notícias)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*