Procurar Notícia

Vitória fará teste de fogo contra o invicto Cuiabá pela Série B

O Vitória enfrentará um teste de fogo no Barradão neste sábado (5), às 16h30. Adversário da vez, o Cuiabá entrou na 8ª rodada como líder da Série B, além do único invicto remanescente na competição. Até o jogo passado, o Leão fazia parte do seleto grupo, mas perdeu para o Confiança, por 1×0, em Aracaju, e deu adeus à sua invencibilidade. Assim, chega à rodada na 8ª colocação, com 10 pontos.
Quatro pontos separam os dois times na tabela. Porém, em termos de aproveitamento, a diferença é alta: o Cuiabá, com um jogo a menos, tem 77,8%, enquanto o rubro-negro, 47,6%.

Nesta Série B, o time de Mato Grosso iniciou sua trajetória empatando com o Brasil de Pelotas, em casa, e, depois, conseguiu quatro triunfos seguidos. No duelo passado, voltou a empatar, agora com o Botafogo-SP, por 1×1, fora de casa. O time é treinado pelo baiano Marcelo Chamusca, que iniciou 2019 no Leão.

Para o técnico Bruno Pivetti, o Vitória precisa encontrar uma forma de se firmar em campo. “Essa oscilação nunca é somente por um fator. Futebol é uma modalidade complexa. Temos uma grande sequência de jogos, a questão da pandemia, de quatro meses parados. É um calendário atípico. Agora, nós temos que dar a volta para conquistar uma solidez de desempenho e que os resultados favoráveis acompanhem esse desempenho”, comentou.

Palco do jogo, o Barradão é a grande carta na manga do Vitória: o aproveitamento em casa é de 77,8%. Dos seus 10 pontos na Série B até aqui, sete foram conquistados no estádio – os dois triunfos sobre Sampaio Corrêa e Paraná e o empate com o Náutico. 

Apesar disso, o Leão precisa ter bastante cuidado, já que o Cuiabá vem provando ser um visitante indesejado. Dos 14 pontos totais do Dourado, a metade foi somada fora de casa. No ano passado, aliás, o time derrotou o rubro-negro no Barradão, por 1×0. No segundo turno, o rubro-negro deu o troco e, em plena Arena Pantanal, aplicou 3×1 no rival.

Em campo
O Vitória terá cinco desfalques na partida, todos no departamento médico. Além dos quatro atletas que já estavam vetados – laterais Rafael Carioca e Van, o zagueiro Maurício Ramos, o atacante Alisson Farias -, o volante Lucas Cândido se queixou de dores no tornozelo e também fica de fora. 

Entre os relacionados por Pivetti, estão Fernando Neto, que ficou de fora contra o Confiança, e os recém-contratados Leandro Silva e Ewandro. O atacante, porém, não foi regularizado a tempo e, por isso, não jogará. Assim, Rodrigo Carioca também foi convocado. 

O Vitória deve entrar em campo com Ronaldo; Jonathan Bocão (Leandro Silva), João Victor, Wallace e Thiago Carleto; Guilherme Rend, Fernando Neto e Marcelinho; Eron (Vico), Léo Ceará e Mateusinho.

O camisa 9, aliás, será julgado na semana que vem pela 5ª Comissão Disciplinar. O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) marcou para sexta-feira o julgamento do atacante e do presidente Paulo Carneiro pelas ações deles na derrota por 4×3 para o Ceará, pela Copa do Brasil.

No Cuiabá, o zagueiro Everton Sena, ex-Vitória, é um dos desfalques de Marcelo Chamusca, assim como o volante Auremir e o atacante Felipe Marques, todos machucados.(Correio)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*