Procurar Notícia

Reprovação ao Congresso aumentou nos últimos meses, aponta Datafolha

Os efeitos dos meses de conflito institucional entre Jair Bolsonaro e o Congresso Nacional, em meio a uma ligeira melhora na popularidade do presidente da República, começam a ser percebidos. 

De acordo com levantamento Datafolha, a avaliação negativa do Legislativo aumentou em 5% desde o fim de maio. Alvo constante de ataques de apoiadores de Bolsonaro, que apesar das recomendações sanitárias de distanciamento social diante da Covid-19, incentivou e marcou presença em atos antidemocráticos, o Supremo Tribunal Federal manteve a sua avaliação estável.

Dos dias 25 e 26 de maio até o dia 12 de agosto, a reprovação ao trabalho do Congresso subiu de 32% para 37%. Aqueles que avaliam como ótimo ou bom se manteve no mesmo patamar, de 18% para 17%. Já os que veem o trabalho dos parlamentares como regular caiu de 47% para 43%.

Sobre a atuação dos ministros do STF, o índice de ótimo e bom caiu ligeiramente de 30% para 27%, enquanto os que consideram ruim ou péssimo teve pequeno acréscimo, de 26% para 29%. O índice de regular oscilou de 38% para 40%.

A pesquisa Datafolha foi feita com 2.065 pessoas por telefone, em razão da pandemia do novo coronavírus, nos dias 11 e 12 de agosto. (BNews)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*