Procurar Notícia

Lula sai em defesa de Rui Costa: ‘Quem tem de queimar arquivo está no governo federal’

Depois da morte do miliciano Adriano Magalhães da Nóbrega há dez dias, no município de Esplanada, no Nordeste baiano, um embate público envolve os Bolsonaro e a Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA) de Rui Costa (PT). Nesta terça-feira (18), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva saiu em defesa do gestor baiano.

“Quando viajei pra Itália conversei com ele. E falei: ‘Só tome cuidado que o Bolsonaro vai colocar isso no seu colo’”. E foi categórico: “Quem tem de queimar arquivo é quem está no governo federal, e não Rui Costa”.

Lula, que falou com a imprensa durante encontro com parlamentares do PT em Brasília, disse ainda que o governo “nasceu para contar mentiras”. “Com a quantidade de fake news que ele conta, só poderia contar mais essa”.

Isso porque o presidente Bolsonaro (sem partido) chegou a responsabilizar Rui pela morte do miliciano. Assim como o filho, o senador Flávio Bolsonaro (sem partido), ele afirma que o caso é um crime de execução, comparando o caso ao assassinato do então prefeito de Santo André (SP), Celso Daniel.

Também nesta terça, Flávio chegou a publicar, em seu próprio perfil no Twitter, um vídeo que mostra imagens do suposto cadáver de Adriano, que chegou a ser homenageado pelo senador na época em que servia como capitão do Batalhão de Operações Especiais (Bope) do Rio de Janeiro. A publicação foi rebatida pelo secretário da Segurança, Maurício Barbosa: “Teoria política”. (Bahia.Ba)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*