Procurar Notícia

Gastos de Bolsonaro com cartão corporativo são os maiores desde 2014

Os gastos registrados nos cartões corporativos da presidência no governo de Jair Bolsonaro são os maiores desde 2014, segundo dados obtidos pela coluna de Lauro Jardim, no jornal O Globo. As despesas são sigilosas por motivos de “segurança nacional”.

Entre fevereiro e setembro deste ano — a fatura de janeiro não é contabilizada por se referir a 2018 — a Secretaria de Administração do Palácio do Planalto, responsável pelas despesas para o presidente, desembolsou R$ 4,6 milhões com seus cartões.

O valor é 24% maior do que os R$ 3,7 milhões consumidos no mesmo período do ano passado; 55% mais alto do que os R$ 2,9 milhões de 2017; 62% acima dos R$ 2,8 milhões de 2016 e 26% superior aos R$ 3,6 milhões de 2015. (Metro1)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*