Procurar Notícia

Funcionários da Vale são indiciados por relatórios fraudulentos em Brumadinho

A Polícia Federal (PF) indiciou ontem sete funcionários da mineradora Vale, além de seis da empresa de consultoria alemã Tüv Süd, por falsidade ideológica e uso de documentos falsos no caso do rompimento da barragem, ocorrido em Brumadinho (MG) em janeiro desse ano. As empresas também foram indiciadas, no entanto, nenhum dos indiciados pertence ao alto escalão da Vale.

De acordo com PF, houve elaboração fraudulenta do relatório de revisão periódica de segurança da barragem e por isso, na declaração de condição de estabilidade. Os registros foram apresentados pela Tüv Süd em junho de 2018, que também realizou inspeção de segurança em setembro, gerando mais um documento supostamente fraudado.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*