Procurar Notícia

Veja cinco dicas para sair na frente em uma entrevista de emprego

A entrevista de emprego é um momento que ainda gera desconforto para os candidatos. Com um cenário cada vez mais competitivo, é preciso estar bem preparado para se sobressair numa entrevista de emprego. Fazer uma pesquisa prévia sobre a empresa, sua história, serviços, entre outros é um grande diferencial que pouca gente leva em consideração.

“Quando entrevistamos candidatos, percebemos que muitos deles sequer pesquisaram informações básicas sobre a empresa contratante, o que, em nossa análise, é recebido como certo desinteresse pela vaga”, explica Gabriela Mative, Gerente da Luandre.

Confira abaixo cinco dicas para chegar preparado para a entrevista de emprego:

– Por onde começar
Assim que receber o contato para a entrevista reserve um tempo e pesquise sobre a empresa. Os dados mais relevantes podem ser buscados no site, redes sociais e até em reportagens da qual a empresa participou.

– O que pesquisar
Os principais tópicos são: área de atuação, tempo de mercado que ela possui e seu momento atual. Com essas informações, o candidato está preparado para fazer perguntas relevantes, como plano de carreira e cultura da empresa. “Não costumamos solicitar que o candidato pesquise sobre o estabelecimento, então, caso ele chegue com essas informações, saberemos que está interessado e é proativo” diz Mative.

– O que dizer em causa própria
Não basta saber o seu currículo, o diferencial é falar sobre si próprio e demonstrar como as suas habilidades podem colaborar com as ações da empresa. 

– A pergunta que não se esperava
Poucas pessoas estão preparadas para responder à pergunta: “por que você quer trabalhar nesta empresa?”. Gabriela sugere procurar no site a missão e os valores da companhia e entender de que forma seu pensamento está alinhado com eles.

– Dress Code
Nessa hora o candidato deve buscar entender alguns pontos importantes: qual o DNA da empresa (mais tradicional ou descontraída) e com qual profissional será a entrevista (o dono ou um analista, por exemplo). Cada caso pede uma vestimenta e um comportamento diferente, pois quem está avaliando também terá percepções distintas. (Ibahia)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*