Procurar Notícia

Arroz salva telefone molhado? Saiba a verdade sobre ‘mitos’ de celulares

Aí o seu celular caiu dentro da privada. O que fazer? Será que colocar dentro de um pote com arroz, como dizem, ajuda a secar os componentes para “desafogar” o aparelho? Os smartphones tomaram conta do mundo e, bem, ninguém consegue viver sem hoje em dia — o que explica essas atitudes desesperadas para tentar salvar os dispositivos quando algo grave acontece. Mas o que é verdade ou mito quando falamos sobre isso? Bem, pensando nisso, a plataforma de contratação de serviços GetNinjas falou com Tatiana Moura, do site de assistência técnica Fix Online, para tirar as dúvidas mais comuns?
Arroz salva os celulares que caem na água?

MITO. Ele absorve apenas o líquido que fica na superfície. A água que atinge a placa só consegue ser extraída abrindo o celular e fazendo o procedimento conhecido como banho químico. Se o celular estiver molhado, não o ligue na tomada e procure uma assistência técnica quanto antes. Atenção para a água do mar, que prejudica ainda mais o aparelho.
Pasta de dente tira o risco da tela?

MITO. Creme dental não resolve o problema e, além disso, pode entrar no painel e prejudicar o seu funcionamento. O ideal é usar uma tela de proteção de qualidade (de preferência de vidro, que é mais resistente).
Usar o smartphone com a tela rachada danifica o aparelho?

VERDADE. O celular pode continuar funcionando se o touch não tiver sido prejudicado, mas seguir usando mesmo assim aumenta as chances de comprometer o painel. Neste caso, a situação fica mais complicada e só a troca de vidro não resolve o problema. 
Bateria vicia?

MITO. Isso acontecia com as antigas baterias de níquel. Hoje, os smartphones utilizam baterias de íon-lítio que não sofrem deste mal.
É necessário usar a bateria até o final para então recarregá-la?

Não precisa seguir esses ciclos completos de carga e descarga. Os smartphones atuais estão preparados para atender às nossas necessidades de uso.
O celular precisa ser retirado da tomada quando a bateria atingir os 100%?

DEPENDE. Deixar o aparelho no carregador depois da carga estar completa não compromete o produto, desde que seja um alimentador original ou de boa procedência. Um acessório de má qualidade não costuma identificar com precisão se o celular chegou aos 100% e continua passando corrente — e isso pode fazer a bateria inchar e até explodir. Cuidado extra com isso! (TecMundo)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*