Procurar Notícia

Ufba oferecerá cotas na graduação para trans e refugiados

A Universidade Federal da Bahia (Ufba) oferecerá cotas para transexuais, transgêneros e travestis e refugiados ou imigrantes em situação de vulnerabilidade social a partir de janeiro de 2019. O objetivo é ampliar o leque de oferta de vagas diferenciadas, que já contempla quilombolas e índios aldeados. A novidade foi aprovada por meio da Resolução 07/2018 na quarta-feira passada na reunião do Conselho Acadêmico de Ensino da universidade, que oferece por ano 5.974 vagas, metade reservadas para alunos de escola pública, que tenham renda abaixo de um salário mínimo e meio, deficientes e se declarem indígenas, pretos ou pardos. Atualmente, a Ufba tem 88 cursos de graduação. Para o público trans, índios aldeados, refugiados e quilombolas será oferecida uma vaga a mais nas seleções de cada curso, o que dá mais 352 vagas por ano. Na Bahia já são oferecidas cotas para trans também na Universidade Federal do Sul da Bahia e na Universidade Estadual da Bahia (Uneb). Pela resolução aprovada pela Ufba, “a reserva de vagas será aplicada na seleção para os dois semestres, quando pertinente, e nas eventuais chamadas subsequentes à matrícula dos candidatos convocados em primeira chamada, nos casos em que, por qualquer motivo, essa matrícula não tenha se efetivado”. A seleção ocorre por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2018 e do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Ministério da Educação e Cultura (MEC). A Ufba irá adotar as duas edições do Sisu, primeiro e segundo semestres. Já os interessados nas vagas para trans, refugiados, quilombolas e índios aldeados deverão ficar atentos ao site de ingresso da Ufba (www.ingresso.ufba.br), onde está previsto para ser publicado o edital em 2 de janeiro, com abertura de inscrições dia 14. Os interessados nessas vagas devem ter feito as provas do Enem e inscrever-se por meio de autodeclaração para tais categorias, cujos critérios serão estabelecidos por edital específico. (Bocão News)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*