Puxado por Eduardo Bolsonaro, PSL é o campeão nacional de votos para a Câmara

Puxado pelo 1,8 milhão de votos dados por São Paulo a Eduardo Bolsonaro, o PSL foi o partido campeão nacional de votos nas eleições para a Câmara dos Deputados. A sigla à qual Jair Bolsonaro se filiou neste ano obteve 11,4 milhões de votos em todo o país, contra 10,1 milhões do PT, segundo no ranking. Apesar disso, os petistas elegeram mais deputados federais -56 contra 52 do PSL- devido às coligações feitas nos estados. Pelas regras eleitorais, a definição dos eleitos se dá pela soma dos votos da coligação, não da legenda. O ranking de votação mostra ainda que PSL e PT se descolaram com larga margem das demais siglas. A terceira mais votada foi o PSDB, com 5,9 milhões de votos e eleição de apenas 29 deputados federais, entre eles Aécio Neves (MG). Em 2014 o PT havia sido o campeão, com 13,5 milhões de votos. O PSL, até então uma sigla nanica, teve um dos piores desempenhos na ocasião, elegendo apenas um deputado federal. Na lista dos deputados federais campeões de votos nos 26 estados e DF, em 2018, cinco são do PSL -Delegado Waldir (GO), Marcelo Alvaro Antonio (MG), Nelson Barbudo (MT), Helio Negão (RJ) e Eduardo Bolsonaro (SP). Além da eleição de deputados, a votação para a Câmara tem importância capital para as siglas. É ela que define o tamanho da fatia de recursos públicos e de propaganda na TV que os partidos terão pelos próximos quatro anos. Além disso, quem não tem um desempenho mínimo, sofre corte de verbas e de instrumentos essenciais à sua existência. (Folhapress)


0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*