Rio Real: Ex-prefeito tem contas rejeitadas e fica inelegível

O ex-prefeito de Rio Real, na divisa com Sergipe, Orlando Brito de Almeida, teve as contas referentes a 2014 rejeitadas pela Câmara de Vereadores. A votação, por unanimidade, com placar de 7 a 0 ocorreu nesta quinta-feira (21). Com isso, o ex-gestor, também conhecido como Orlando do Banco, fica inelegível por até oito anos. Desde agosto de 2016, as câmaras de vereadores têm o poder de julgar as contas de ex-gestores conforme decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). As mesmas contas rejeitadas pela Câmara nesta quinta já tinham tido sido desaprovadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Orlando também teve as contas do último ano da gestão dele, 2016, desaprovadas pelo TCM. Essas ainda não foram julgadas pelos vereadores da cidade. (BN)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*