Juiz que agrediu brasileiro se retrata: 'Reflexo estúpido, mas humano'

O árbitro Tony Chapron falou pela primeira vez após ser suspenso por oito meses por agredir o brasileiro Diego Carlos, na partida entre Nantes e PSG, pelo francês. Na ocasião, o juiz caiu na partida e deu uma banda no brasileiro, expulsando-o em seguida, ao pensar que Diego havia sido o responsável por sua queda. "Aconteceu em uma fração de segundo. Foi um reflexo estúpido, mas humano, e me crucificaram", disse ao Canal +. "Sou consciente de que cometi um grande erro. Sei que será a forma que recordarão minha carreira", concluiu.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*