Juíza nega pedido para Lula receber visita de governadores

A Justiça Federal do Paraná negou o requerimento para que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pudesse receber visitas hoje (10) na sede da Polícia Federal de Curitiba, onde ele está preso. Segundo a Folha, a decisão foi tomada pela juíza Carolina Lebbos, responsável pela execução penal do petista. Ainda segundo o jornal, Lula esperava receber a visita de governadores de nove estados. Porém, o dia de visitas aos presos na Polícia Federal (PF) de Curitiba é nas quartas-ferias, ou seja, amanhã. Apenas advogados podem visitá-los nos outros dias. Lebbos foi condizente com a decisão do juiz Sérgio Moro, que já havia dito que Lula não teria privilégio no recebimento de visitas. “Com efeito, não há fundamento para a flexibilização do regime geral de visitas próprio à carceragem da Polícia Federal. Desse modo, deverá ser observado o regramento geral”, disse a juíza na decisão. "Portanto, incabível a visitação das pessoas indicadas na petição”, completou. O pedido foi feito pelo senador Roberto Requião (MDB-PR). Além dos governadores, a visita de parlamentares e da presidente do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR) também foi requerida.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*