Lula: 'Nós vamos processar a Netflix'

Ao encerrar a caravana pelo Sul do país na noite desta quarta-feira (28), em Curitiba, o ex-presidente Lula da Silva foi categórico: "Nós vamos processar a Netflix. Nós não temos que aceitar isso, e eu não vou aceitar". O que o petista se recusa a acatar é a série "Mecanismo", de José Padilha, inspirada na Operação Lava Jato. A afirmação ganha ainda mais força por Curitiba ser cidade onde a investigação federal foi instaurada pelo juiz Sergio Moro, em 2014. Pré-candidato à presidência na corrida eleitoral deste ano, Lula foi recentemente condenado a 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no âmbito do chamado "caso triplex," desdobramento da Lava Jato. Se a pena for confirmada pelo Supremo antes do fim do processo eleitoral, Lula perderá os direitos políticos e não será candidato ao Planalto. "Mecanismo" estreou no catálogo mundial da Netflix na última sexta-feira. Desde então, vem sendo alvo de polêmicas. Na série, Lula e a ex-presidente Dilma Rousseff têm nomes fictícios, mas são ligados ao processo de corrupção que envolviam senadores, empresários e diversas figuras partidárias, da esquerda à direita. Dilma denunciou que "Mecanismo" propaga "fake news". Lula também classificou a série como mentirosa.

"Aviso que vamos denunciar [judicialmente] os responsáveis [da série] aqui ou em qualquer lugar" porque eles produziram uma mentira", avisou Lula. Em defesa à própria produção, o cineasta disse que "o PT de Lula se associou ao PMDB de Temer. Juntos, operaram o mecanismo", emendou. (Noticias ao Minuto)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*