Juazeiro: Mulher perde bebê após esperar parto por mais de 24 horas; família acusa hospital de negligência

Uma mulher perdeu o bebê após ter que esperar mais de 24 horas por parto na maternidade municipal de Juazeiro, no norte da Bahia. O corpo da criança foi enterrado no cemitério central da cidade, neste sábado (17). Segundo familiares, a bebê Ana Liz morreu ainda na barriga da mãe, Luíza Evandra Silva de Brito, de 18 anos. De acordo com as avós, Elizabete Barbosa da Silva e Benedita Almeida da Silva, a jovem não teve problemas durante a gravidez. Elas contaram à reportagem da TV São Francisco, afiliada da TV Bahia, que Luíza foi internada com muitas dores na última quinta-feira (15), mas o parto só foi realizado na sexta (16) à noite, mais de 24 horas depois. "Só revolta. Uma pessoa tão pequenininha, tão indefesa, e já vítima de uma negligência médica", disse a avó materna, Elizabete Silva. "Muita tristeza. Ontem quando eu soube da notícia, eu passei mal...eu esperava essa netinha com o maior carinho", disse emocionada Benedita Silva, avó paterna. Em nota, a secretaria de Saúde de Juazeiro disse que a paciente chegou à maternidade em fase não aparente de trabalho de parto, e que na sexta-feira, na fase final, com o aumento das contrações, não foi possível ouvir o feto, e a paciente foi submetida a uma cesariana de urgência. A equipe tentou reanimar o feto, mas sem sucesso. (G1)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*