Procurar Notícia

Camaçari: Policial militar atira contra carro de som durante manifestação na Via Parafuso

Um policial militar atirou contra um carro de som durante um protesto de centrais sindicais na Via Parafuso, em Camaçari, região metropolitana de Salvador, na manhã desta segunda-feira (19). Apesar do susto dos manifestantes, ninguém foi ferido pelo disparo. De acordo com nota da PM, o agente fazia parte do 12º Batalhão, que atuava na negociação para liberação da via, mas não estava participando da negociação com os manifestantes naquele momento. O protesto foi um dos atos que ocorreram no estado contra a reforma da Previdência. De acordo com o presidente da CUT, Cedro Silva, a manifestação ocorria de forma pacífica. Ele diz ainda que os policiais militares dispararam balas de borracha contra os manifestantes, deixando 3 a 4 pessoas feridas. Conforme o comunicado da Polícia Militar, o comandante do 12º Batalhão ainda apura se houve disparo de bala de borracha e se houve pessoas feridas durante a ocorrência.O policial que disparou contra o carro de som é ouvido na sede do 12º Batalhão, para que "providências legais" sejam adotadas. "A Polícia Militar apura qualquer postura/comportamento que fuja da técnica policial, pois o papel da corporação em manifestações é garantir a ordem pública, o direito das pessoas se manifestarem, bem como o direito de ir e vir do cidadão. Todo tipo de excesso cometido por integrantes da corporação será rigorosamente investigado", afirma o comunicado da corporação. O protesto teve início às 5h30 e terminou por volta das 8h desta segunda-feira (19), na Via Parafuso, nas proximidades do viaduto da Cascalheira. Os manifestantes atearam fogo em pneus e madeiras e bloquearam a via nos dois sentidos. (G1)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*