Anestésico usado em hospital vira alternativa para traficantes, diz polícia

Um anestésico utilizado exclusivamente em ambientes hospitalares, principalmente em cirurgias cardíacas, neurológicas e ortopédicas, é a alternativa escolhida por traficantes para substituir o ecstasy e o LSD. Trata-se do Fentanil, que é 100 vezes mais potente do que a morfina, segundo a perita criminal Márcia Portela, do Laboratório Central do Departamento de Polícia Técnica (DPT). De acordo com ela, o medicamento é administrado para entubar pacientes com um quadro de overdose e com grande risco de morrer. “Já tivermos um caso registrado em São Paulo, em que o paciente faleceu por conta do consumo dessa substância”, alertou Márcia, observando que o Fentanil é comercializado em microsselos como o LSD e utilizado de forma indevida prejudica seriamente – e, em especial – o fígado e os rins. Segundo o DPT, além dos entorpecentes mais conhecidos, como maconha e cocaína, durante o verão aumenta o consumo de drogas sintéticas, como o Fentanil. Por não ser uma substância ilegal, o medicamento tem se tornado alternativa. Márcia Portela alerta, ainda, para o perigo do consumo de drogas sintéticas. “Não usem drogas, pois elas causam vários problemas à saúde, e, além das mais consumidas nessa época do ano, como maconha e cocaína, no Carnaval também aparecem novas, as sintéticas, altamente tóxicas e que podem levar a morte”, explicou a perita. (Correio)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*