Defesa de Kátia Vargas convoca perito como testemunha e acusação contesta

Durante o julgamento do caso Emanuel e Emanuelle que acontece nesta terça-feira (5), no fórum Ruy Barbosa, no bairro de Nazaré em Salvador, a defesa de Kátia Vargas iniciou os depoimentos chamando um perito técnico do Distrito Federal, Albery Espínola, o que gerou um tremendo reboliço no salão do júri. Isso porque a acusação pediu impugnação do perito enquanto testemunha, pois como contratado pela parte "ele é parcial". A acusação também avaliou que na defesa não existem laudos assinados pelo especialista, questionando em que momento ele teria entrado no processo. Diante do caso, a juíza Gelzi Maria Almeida Souza que preside o júri, afirmou que a colocação da acusação deveria ter sido num momento anterior do processo. Também salientou que o fato do perito ser contratado pela defesa não pressupõe sua parcialidade. Desta forma, deferiu e manteve o depoimento da testemunha. (Bocão News)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*