Após polêmica, Temer pede para Torquato evitar novas declarações

Após a polêmica fala do ministro da Justiça, Torquato Jardim, sobre os comandantes de batalhão da Polícia Militar, o presidente Michel Temer (PMDB) pediu ao ministro para não dar novas declarações. Temer pediu para Torquato ficar quieto e quis aproveitar o feriado para baixar as discussões sobre o assunto, segundo o blog do Camarotti, do G1. Nesta quinta-feira (2), Temer teria demonstrado perplexidade com as declarações do ministro da Justiça, mas não falou em nenhum momento da possibilidade de exonerar Torquato Jardim.Interlocutores ouvidos pelo blog revelaram que a maior preocupação de Temer é de manter pontes com o governo do Rio de Janeiro depois do estresse desse episódio, para manter a parceria na área de segurança pública com o estado. No entanto, Temer reconhece que será difícil retomar o diálogo institucional entre o governador Luiz Fernando Pezão e Torquato Jardim. Ainda segundo o blog, Pezão foi informado de que a interlocução para essa parceria será feita preferencialmente com os ministros da Defesa, Raul Jungmann, e do Gabinete de Segurança Institucional, Sérgio Etchegoyen.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*