Itabuna: Empresa acusada de assédio moral e controle a idas ao banheiro é interditada

A empresa de call center Tel Telemática de Itabuna foi interditada na manhã desta segunda-feira (16) por graves irregularidades no controle da jornada dos funcionários. De acordo com o Ministério Público do Trabalho (MPT), irregularidades como a não concessão de repouso semanal remunerado, não utilização de sistema de banco de horas, o trabalho nos dias de domingo, a realização de horas extras e em relação a duração da jornada diária de trabalho, que no setor de call center é limitado a seis horas diárias, com possibilidade de eventuais acréscimos de até duas horas extras. O caso começou a ser investigado em fevereiro a partir de uma denúncia anônima. Apontada pelo MPT como alvo de outros inquéritos e ações civis por assédio moral, atraso no pagamento de salário e controle de idas ao banheiro, a empresa teve suas atividades de teleatendimento suspensas por tempo indeterminado. O atendimento só será retomado após a comprovação de que as normas estão sendo cumpridas. Dentre as recomendações do MPT estão a instalação do sistema eletrônico de ponto e a concessão de pausas e descansos nas jornadas de trabalho.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*