Segundo bebê morre em maternidade do norte da Bahia em um período de 11 dias

Um recém-nascido morreu na maternidade de Juazeiro, no norte do estado, na quinta-feira (31). O caso foi divulgado nesta sexta-feira (1°) pela Secretaria de Saúde de Juazeiro, e é o segundo registro de morte na mesma maternidade em um período de 11 dias. O primeiro caso ocorreu com a filha do promotor de vendas Herlon Muzatier. Ele contou que a mulher dele deu entrada no hospital dia 16 de agosto e teve que esperar por um parto normal durante quatro dias, mas o bebê não resistiu. Logo depois desse primeiro bebê morrer, várias mães denunciaram a unidade por maus-tratos e, com isso, o Ministério Público da Bahia (MP-BA) pediu uma inspeção no local. De acordo com a família do bebê que morreu na última quinta-feira, a mãe da criança, Maria das Dores, deu entrada na maternidade às 6h sentindo muitas contrações. Ela foi avaliada pela equipe médica que constatou que ela não tinha dilatação. Às 16h, a mulher foi levada para a sala de parto, mas disse que já não sentia o bebê se movimentar na barriga. Às 19h, o parto ainda não havia sido feito, mas quando a cesária aconteceu, o bebê já estava morto. Com as mortes, a Secretaria de Saúde Municipal informou que afastou um profissional por conduta negligente, instaurou sindicância para apurar irregularidades e anunciou medidas para a maternidade, que é a única pública da cidade e atende a 53 municípios da região. Álvaro Pachecom, assessor técnico da Secretaria de Saúde de Juazeiro, disse que a equipe médica que atendeu a paciente seguiu o protocolo do Ministério da Saúde. "Mesmo realizada a cesariana, o bebê já nasceu com condição deteriorada. recebeu os cuidados da pediatria, mas acabou indo a óbito", explicou. Ainda em relação ao segundo bebê, no atestado de óbito, a causa da morte consta como indeterminada. O hospital disse que o bebê estava em sofrimento crônico por falta de oxigênio no útero, mas não revelou a causa. Maria das Dores continua internada. Os familiares ainda estão abalados e contaram que a mãe fez todo o acompanhamento pré-natal e a saúde da criança era perfeita. (G1) O enterro do bebê foi realizado nesta sexta-feira, no Cemitério Jardim da Saudade, na cidade de Senhor do Bonfim, também no norte da Bahia.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*