Prédio onde foi encontrado dinheiro atribuído a Geddel é da família Azi

Não é por coincidência que o nome do prédio onde foram encontrados R$ 51 milhões, supostamente do ex-ministro Geddel Vieira Lima, é Residencial José da Silva Azi. Isso porque a dona e administradora do edifício é a JP Patrimonial, que pertence à família baiana Azi, ou seja, à família do deputado Paulo Azi (DEM). As informações são do jornal Estadão, que acrescentou que o nome do prédio é uma homenagem ao tio do parlamentar. Geddel foi preso na última sexta-feira (8) pela Polícia Federal, depois que o montante foi encontrado no apartamento, no bairro da Graça, em Salvador, que teria sido, supostamente, emprestado ao ex-ministro para guardar pertences de seu pai, já falecido.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*