'A lei vale para todos', diz ACM Neto, sobre Geddel; aliança não afeta gestão

Questionado na manhã desta quinta-feira (7) sobre a situação do ex-ministro Geddel Vieira Lima, seu aliado politico, o prefeito ACM Neto defendeu a celeridade das investigações, mas destacou que “a lei vale para todos”. “Não interessa se é do partido A, do partido B; não interessa se é aliado ou adversário. Vídeos ao lado dessa ou daquela liderança política, especificamente do ex-ministro Geddel Vieira Lima, praticamente todos os políticos da Bahia possuem”, disse, em menção aos vídeos que circulam nas redes sociais com trechos de discursos nos quais ele aparece acompanhado do peemedebista. “Eu já declarei ontem e quero repetir: primeiro, eu acredito no trabalho da Polícia Federal, da Justiça brasileira. Eu faço votos que esse trabalho possa ser célere e que rapidamente se possa chegar a uma conclusão sobre o que aconteceu exatamente envolvendo a origem e a propriedade dos recursos que foram apreendidos”, afirmou. Neto ponderou que não quer tirar conclusões precipitadas, mas que “jamais iria passar a mão em qualquer atitude errada”. O prefeito também foi indagado sobre como sua imagem poderia ser afetada pela aliança com o ex-ministro. "Em nada. Quem é o prefeito da cidade?", declarou. O democrata informou que não entrou em contato com Geddel desde que ele foi preso. "Acho até que por uma decisão dele e de cautela, ele restringiu muito o acesso de políticos a sua visitação". (Bahia Notícias)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*