Moro aceita denúncia e torna Bendine réu na Lava Jato

O juiz Sergio Moro recebeu, nesta quinta-feira (24), a denúncia contra o ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras, Aldemir Bendine, sob acusação de corrupção, lavagem de dinheiro, organização criminosa e embaraço à investigação – ele está preso preventivamente em Curitiba. O executivo é acusado de solicitar R$ 3 milhões em propina para executivos da Odebrecht, para proteger a empreiteira em contratos da Petrobras. O pedido de propina, que teria ocorrido pouco depois da posse de Bendine, em fevereiro de 2015, foi relatado na delação do ex-presidente da empreiteira Marcelo Odebrecht. Segundo a acusação, os pagamentos da propina foram feitos em três parcelas de R$ 1 milhão, em espécie, em junho e julho de 2015 –por meio do setor de Operações Estruturadas da Odebrecht. Caso seja condenado, Aldemir Bendine pode ser preso por até 25 anos. (Bahia.Ba)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*