Defensoria investiga não execução de programa 'Crack, é possível vencer' em Juazeiro

A Defensoria Pública da Bahia (DP-BA) vai investigar o não funcionamento do programa municipal “Crack é possível vencer”, de responsabilidade da Secretaria Municipal de Saúde de Juazeiro. A denúncia foi feita à Defensoria pelo Conselho dos Direitos da Criança e Adolescente de Juazeiro, durante uma reunião realizada entre as entidades de promoção dos direitos da criança e adolescente, como o Juizado da Infância e Juventude, a Polícia Militar, secretarias municipais, Coordenação do hospital infantil de Juazeiro, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e Centro de Referência de Assistência Social (Cras), entre outros. Foi verificado que o Município recebeu a destinação de verba do referido programa, oriunda do Poder Executivo Federal, mas não a executou. A Defensoria quer saber se houve irregularidade na execução do programa. Além apuração, sobre programa “Crack é possível vencer” no município de Juazeiro, a Defensoria Pública buscou parceria juntamente a Câmara dos Vereadores do Município para a realização de uma audiência pública para discutir a solução dos problemas enfrentados em relação a saúde infantil da cidade com a comunidade.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*