Cerca de 95% da maconha vendida no Brasil vem do exterior

Do Paraguai para o Brasil. Esse é o caminho feito por 95% da maconha vendida por organizações criminosas no país e principal assunto abordado, na tarde desta quinta-feira (24), no Encontro de Secretários de Segurança Pública do Nordeste. Um panorama das quadrilhas atuantes nos nove estados da região também foi mostrado. A maconha sai do Paraguai, passa por São Paulo, coordenada pela maior facção criminosa que age naquele estado, e depois é distribuída nas outras regiões. "Essa informação reflete a urgente necessidade de uma Política Nacional de Segurança Pública. Tem de ser prioridade do Governo Federal. São quadrilhas nacionais, com ramificações fora do país, lavando dinheiro e ampliando a violência", declarou o presidente do Conselho de Segurança Pública do Nordeste (Consene) e secretário da Segurança Pública da Bahia, Maurício Teles Barbosa. Acrescentou que amanhã, no encerramento do evento, será produzida uma carta reforçando a necessidade de ações nacionais, de maior vigilância das fronteiras e do financiamento da Segurança Pública.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*