Taís Araújo é nomeada Defensora das Mulheres Negras pela ONU

A atriz Taís Araújo, 38 anos, foi nomeada pela ONU Mulheres Brasil, nesta última semana, Defensora dos Direitos das Mulheres Negras pela ONU no Brasil. Ela terá a missão de apoiar iniciativas da organização em combate à desigualdade de gênero e ao preconceito racial. A atriz é conhecida também por levantar a bandeira de luta contra o racismo e anunciou a nova função em seu perfil no Instagram. Nadine Gasman, representante da ONU Mulheres Brasil, comenta sobre a entrada da atriz ao grupo de mulheres públicas vinculadas à ONU, “é com imensa alegria que a ONU Mulheres Brasil recebe o voluntariado de Taís Araújo, pela sua defesa fervorosa em favor dos direitos das mulheres", diz ela. "Taís tem sido uma das pessoas emblemáticas no enfrentamento ao racismo e ao sexismo no Brasil por sua postura política e artística, colaborando para a construção da representação positiva de negras e negros na dramaturgia brasileira”. A atriz vem colaborando com o mandato da ONU Mulheres, dando visibilidade especialmente à mulheres negras. No ano passado movimentou seguidores nas redes sociais respondendo ao desafio "Que mulher negra é um exemplo para você?", e em março desse ano apoiou a campanha de mobilização de recursos do Instituto Maria da Penha. “A voz de Taís agregará aos debates sobre os direitos das mulheres negras durante a Década Internacional de Afrodescendentes e nos esforços para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”, completa Nadine.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*