Rodrigo Maia desabafa sobre pressão para agilizar denúncia: 'Não tenho o que fazer!'

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), sucessor direto do presidente Michel Temer, disse a um interlocutor que não tem nada a fazer para agilizar a tramitação da denúncia na casa legislativa. Temer estaria pressionando Maia a adiantar a votação da denúncia oferecida pela Procuradoria Geral da República (PGR) contra o presidente Michel Temer. "Não tenho o que fazer! Por isso, fico parado. Sem fazer nada, já estou sendo falado no Planalto. Imagina se tivesse feito um movimento mais explícito", teria dito Maia para um interlocutor. De acordo com o blog do Camarotti, o presidente da Câmara teria avaliado que a situação política de Temer é cada vez mais complicada e, mesmo com a pressão para agilizar a tramitação, ele terá que seguir rigorosamente o regimento. (BN)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*