MP vai investigar participação de servidores em irregularidades na Petrobras e no Cade

Procuradores da República no Distrito Federal vão apurar eventuais irregularidades envolvendo funcionários da Petrobras e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), órgão vinculado ao Ministério da Justiça, a partir das denúncias dos donos e executivos do J&F. As investigações revelaram que o grupo empresarial negociava propina com políticos em troca de benesses no governo federal. De acordo com a coluna Expresso, da revista Época, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, avaliou que, além da participação de políticos como o presidente Michel Temer (PMDB) e o ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), era necessário averiguar também a participação de servidores públicos no esquema. As informações foram enviadas por Janot para a Procuradoria da República na capital do país.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*