Fundo para financiar campanhas pode superar orçamento de 16 capitais

Batizado na atual versão do texto da reforma política de Fundo Especial de Financiamento da Democracia, o orçamento destinado às campanhas eleitorais é superior ao que 16 das 26 capitais brasileiras dispõem por ano, de acordo com reportagem do Globo. Caso a proposta seja aprovada pela Câmara, a estimativa é de que os partidos terão um fundo eleitoral de R$ 3,6 bilhões no pleito do próximo ano. A maior fatia do montante caberá a sete partidos: PMDB, PT, PSDB, PP, PSD, PR e PSB. Em cinco das legendas, os tesoureiros são investigados ou citados em delações da Operação Lava Jato. Abastecido com verba pública a cada eleição, o fundo teria, para 2018, 0,5% da receita corrente líquida da União — aproximadamente R$ 3,6 bilhões — e, a partir de 2020, o valor diminuiria para 0,25%. (Bahia.Ba)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*