Ciência prova que cuidar dos filhos cansa mais do que trabalhar

Ajudar na lição de casa, administrar as atividades extracurriculares, preparar a lancheira... criar um filho não é uma tarefa fácil mas, por amor aos pequenos, muitos pais acabam descobrindo habilidades que nem imaginavam que possuíam. Entretanto, de um modo geral, ser mamãe ou papai em tempo integral ainda não é reconhecido pela sociedade como uma atividade complexa que, assim como outros trabalhos exercidos fora de casa, exige muita dedicação. Quem assume esta responsabilidade ainda ouve questionamentos do tipo: “Por que está cansado? Você não trabalha, só cuida das crianças!”.

Cuidar dos filhos cansa mais do que trabalhar: Rebatendo esse questionamento, um estudo da Universidade Católica de Lovaina, na Bélgica, apontou que cuidar dos filhos cansa mais do que trabalhar. Nesta pesquisa, 2.000 pais foram ouvidos, e 1 a cada 10 deles afirmaram que cuidar dos filhos compromete a saúde emocional e física. Os resultados apontaram que 13% dos participantes possuíam altos níveis de exaustão, abatimento e sentimento de incompetência, alguns dos sintomas que caracterizam burnout parental. Os índices variam de 11,6% para os papais e de 12,9% para as mamães.

O que é burnout parental: Burnout parental é uma ramificação da síndrome de burnout, distúrbio psíquico causado pela sobrecarga e estresse extremo, geralmente no trabalho, e neste caso, o de cuidar das crianças. As causas exatas do problema ainda não são conhecidas, mas sabe-se que ele está ligado à sobrecarga cognitiva. “Se você trabalhar além do limite da sua capacidade por muito tempo, há esgotamento nervoso e, consequentemente, burnout”, afirma o psiquiatra Fernando Portel, da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). A cantora Wanessa revelou ter síndrome do burnout. Mãe de José Marcus e João Francisco e com uma intensa agenda de shows por todo o país, ela contou no programa de Fátima Bernardes na Globo, o "Encontro", que a síndrome apareceu depois do nascimento do seu segundo filho. "Tenho bastante esgotamento físico. Isso aconteceu muito quando virei mãe de dois. Tenho que conciliar o trabalho com a vida de casa e a social de alguma forma. Sou aquela que, quando tem esgotamento, chora", disse no programa.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*