SAÚDE: Perguntas e Respostas

Por que é importante ter a hipertensão controlada?
A hipertensão arterial é uma doença que acomete uma porcentagem bastante elevada da população brasileira. Sabe-se que aproximadamente de 20% a 30% dos brasileiros com mais de 18 anos de idade são portadores de hipertensão arterial, variando de acordo com a região e com a amostra estudada. Na maioria dos casos, a hipertensão não apresenta sintomas, o que torna ainda mais difícil seu diagnóstico e tratamento. Dentre todos os indivíduos hipertensos, apenas um pequeno número sabe que tem a doença, e um número ainda menor faz tratamento e tem sua pressão arterial controlada. Embora a hipertensão não apresente sintomas, quando não está controlada acarreta risco elevado para doenças cardiovasculares, aumentando assim a possibilidade de morte e invalidez. 
Quando a hipertensão encontra-se sem tratamento adequado ou quando seus níveis não se encontram dentro das metas, com o passar do tempo outros órgãos começam a ser afetados. Pode haver aumento da espessura do músculo do coração (miocárdio), levando ao que se chama de hipertrofia do ventrículo esquerdo; o paciente hipertenso pode ter como complicações doença das artérias coronárias, podendo levar à isquemia miocárdica, com maior risco de infarto do miocárdio e insuficiência cardíaca, que é quando o coração aumenta de tamanho e se torna insuficiente para atender às necessidades do organismo.

Outras complicações extremamente graves da hipertensão não controlada são as doenças cerebrovasculares, que ocorrem quando os níveis da pressão se elevam acima de níveis considerados normais. As consequências do acometimento dos vasos sanguíneos cerebrais são o acidente vascular cerebral ou “derrame”, que pode levar à morte ou incapacidade temporária ou definitiva. Os rins também são afetados pela hipertensão não controlada, levando o individuo a uma alteração na função renal, aumentando o risco para diálise e transplante renal, devido à falência desses órgãos. Essas são algumas das complicações que a hipertensão não controlada causa aos pacientes, sendo obrigatório o controle rigoroso da hipertensão arterial para que os indivíduos hipertensos possam ter uma vida praticamente normal e livre de complicações.
Carlos Alberto Cyrillo Sellera - Especialista em Cardiologia pela SBC/AMB - Mestrado pela Unifesp/EPM - Chefe do Serviço de Cardiologia da Santa Casa de Santos

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*