ACM Neto diz que doação da Odebrecht para campanha ocorreu "dentro da lei"

O prefeito ACM Neto, citado na lista do ministro Edson Fachin, afirmou que a sua campanha eleitoral para a disputa à prefeitura de Salvador, em 2012, teve a colaboração do Grupo Odebrecht, mas garantiu que esse apoio ocorreu "dentro da lei". Em nota enviada à imprensa, Neto disse que se reuniu com o diretor do Grupo Odebrecht da Bahia na época, André Vital e que a partir disso um colaborador de campanha foi destinado a tratar do assunto. "Eles se encontraram e ficou acertado que a Odebrecht faria doação para a nossa campanha através do nosso partido, o Democratas. Fato que aconteceu dentro da lei, com tudo registrado na Justiça Eleitoral. Portanto, não houve doação de caixa 2 para a nossa campanha", declarou o prefeito. Segundo Neto, ele está tranquilo e pronto para prestar todos os esclarecimentos sobre o caso.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*