Setor do PMDB faz campanha contra colegas citados na Lava Jato

Um grupo de deputados do PMDB ensaia uma campanha contra colegas de partido citados na Operação Lava Jato. A ideia é afastá-los de cargos de chefia na legenda antes das eleições de 2018. De acordo com a coluna Painel, do site do jornal Folha de S. Paulo, o deputado Carlos Marun lidera o grupo. Aliado do deputado cassado Eduardo Cunha, Marun chegou a visitá-lo na prisão em Curitiba. “Não podemos passar a campanha de 2018 inteira nos defendendo da Lava Jato. A direção precisa estar isenta para não contaminar o partido”, diz o deputado. A medida atingiria caciques da legenda, como o líder do governo no Congresso e presidente da legenda, Romero Jucá. (Noticias ao Minuto)

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*