Testes rápidos detectam 15 casos de HIV nos circuitos da folia em Salvador

O projeto Fique Sabendo nos circuitos da folia já realizou 1.428 testes rápidos para detecção do vírus HIV, sífilis e hepatite C no primeiro dia de funcionamento. Desse total, 54 exames foram positivos para sífilis, 15 para HIV e um reagente para hepatite C. Os homens foram os responsáveis por todos os casos positivos de HIV, com idades entre 17 e 57 anos. O Fique Sabendo incentiva durante o Carnaval a detecção precoce das doenças sexualmente transmissíveis (DSTs) através da realização de testes rápidos realizados em 30 minutos, colaborando assim para a interrupção da cadeia de transmissão. Os serviços são oferecidos gratuitamente ao público através de duas unidades: no Multicentro Carlos Gomes, no Circuito Osmar, sempre das 10h às 21h, e num módulo montado exclusivamente para estratégia na Rua Dias D'Ávila, próximo ao Farol da Barra, no Circuito Dodô, das 10h às 22h.

Ano passado: Durante todo o Carnaval de 2016, o Fique Sabendo realizou 6.150 testes rápidos, com 57 diagnósticos positivos para HIV, 228 reagentes para sífilis e 20 para Hepatite C. Os pacientes com diagnóstico positivo para sífilis iniciam o tratamento no próprio circuito com a aplicação de penicilina. Já os usuários com sorologia positiva para outras DSTs contam com o apoio e orientação dos aconselhadores e são encaminhados para unidades de referência da rede municipal onde recebem todo o suporte necessário para o tratamento, inclusive, com a dispensação dos medicamentos retrovirais totalmente gratuitos.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*