Barcelona vence Atlético de Madrid com gol de Messi no final

O Barcelona tirou de vez o Atlético de Madrid da briga pelo título do Campeonato Espanhol ao vencer o rival por 2 a 1, neste domingo, no Vicente Calderón, em partida válida pela 24.ª rodada da competição. Lionel Messi brilhou novamente no estádio e fez o gol da vitória aos 40 minutos do segundo tempo. Assim, o Barcelona foi a 54 pontos e assumiu a liderança do Espanhol de maneira provisória. O Real Madrid tem 52 e dois jogos a menos - neste domingo encara o Villarreal. Já o Atlético de Madrid estacionou nos 45 pontos, no quarto lugar. A partida começou com uma verdadeira blitz do Atlético de Madrid, enquanto o Barcelona se segurava como podia para não sofrer o gol. Aos dois minutos, Gabi cruzou e carrasco desviou para fora. No lance seguinte, Godín aproveitou sobra, mas chutou por cima do travessão. Aos sete, Carrasco também desperdiçou chance de mexer no placar, assim como Godín, aos dez. Saiba mais...
Após a pressão inicial do Atlético, o Barcelona passou a ficar mais com a bola, mas as trocas de passe se resumiam ao campo de defesa, sem criar chances efetivas no ataque. Do outro lado, o Atlético levava perigo sempre que tentava chegar ao gol. Aos 25, Griezmann bateu no ângulo, mas o goleiro Ter Stegen fez uma bonita defesa de mão trocada. A primeira chance do time catalão surgiu aos 28 minutos, quando Suárez disputou a bola com o goleiro na pequena área e mandou para as redes. Só que a arbitragem apontou falta em cima de Oblak. O time da capital, por sua vez, respondeu aos 33 com novo chute de Griezmann defendido por Ter Stegen. Nos minutos finais, o Barcelona conseguiu criar um pouco mais. Aos 37, Messi cobrou falta e Oblak conseguiu fazer bonita defesa. Já cinco minutos depois, Rafinha cobrou escanteio pela esquerda, Piqué cabeceou e Oblak agarrou com perigo, quase caindo com a bola dentro do gol. A segunda etapa começou com o Barcelona sendo muito mais efetivo que na primeira metade da partida. Logo aos dois minutos, Messi encontrou Suárez dentro da área, cara a cara com o goleiro, mas o uruguaio chutou para fora. O Atlético de Madrid respondeu com Griezmann, que bateu em cima de Ter Stegen. Após mais de 60 minutos de bola rolando, o Barcelona conseguiu abrir o placar. Aos 18 minutos do segundo tempo, o brasileiro Rafinha aproveitou bate-rebate na área e mandou cruzado para as redes de Oblak. A alegria do time catalão, entretanto, foi interrompida pelo zagueiro Godín, que subiu mais alto que toda a zaga do Barcelona em cobrança de escanteio e cabeceou para empatar o jogo. O empate deixou a partida mais tensa, com faltas ríspidas no meio de campo, até que a estrela de Messi brilhou. Suárez cruzou para a área e Messi bateu, mascado com a zaga. A bola ficou quicando na pequena área e o argentino aproveitou a segunda chance para desviar de pé esquerdo para o fundo do gol e decretar mais uma vitória do Barcelona no Vicente Calderón. Na sequência do Campeonato Espanhol, o Barcelona volta a campo na próxima quarta-feira, quando recebe o Sporting Gijón. No dia seguinte, o Atlético de Madrid enfrentará o Deportivo La Coruña fora de casa. ESPANYOL BATE LANTERNA - Ainda neste domingo, o Espanyol não tomou conhecimento do adversário e superou o lanterna Osasuna por 3 a 0, em casa. Felipe Caicedo abriu o placar e ainda perdeu um pênalti, mas Jurado e Moreno apareceram para decretar a vitória do time catalão. Com informações do Estadão Conteúdo.

0 comentários:

Postar um comentário

©Site fundado: 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos direitos reservados à Jacobina News*