Preso em SP traficante mais procurado da Bahia

03/06/2011 - O traficante mais procurado da Bahia, líder da organização criminosa “Comissão da Paz” (CP), Fagner Souza da Silva, o “Fal”, responsável pela conexão com a facção paulista denominada Primeiro Comando da Capital (PCC), foi capturado hoje (2), na cidade de São Paulo, durante a “Operação Gênesis”. No momento da prisão, o principal distribuidor de entorpecentes da Bahia tentou subornar os policiais, oferecendo R$ 500 mil.

Seis pessoas foram presas em São Paulo e serão transferidas para Salvador, ainda esta semana. Outras seis, capturadas na Bahia e apresentadas na tarde de hoje (02), no auditório da Secretaria da Segurança Pública (SSP), no CAB, ficarão inicialmente custodiadas no Complexo Policial dos Barris.

De acordo com o secretário da SSP, Maurício Teles Barbosa, o grupo movimentava cerca de 200 quilos de pasta-base de cocaína por mês, o que rendia cerca de R$ 400 mil às quadrilhas. “Este grupo é investigado há um ano e quatro meses e, com as prisões de Lobão, Cláudio Campanha, e agora Fal, o grande escalão do tráfico de drogas está aprisionado”, comemorou Barbosa.

São Paulo

Na cidade de Americana, localizada no interior paulista, foi cumprido um mandado de prisão contra Rosângela de Souza Pinto, a “Tia”, apontada como uma das líderes da facção PCC. Segundo as apurações, ela fornecia as drogas para Fal abastecer o mercado baiano.

Completando a lista dos bandidos presos em São Paulo, estão Valter Santos Rodrigues Filho, o “Pisca”, apontado como possível sucessor de Fal, Elisabete Alpedriz de Cerqueira, mulher de “Pisca”, Patrícia Silva Vieira, mulher de “Fal”, e Monique de Santana Marques.

Bahia

Na cidade de Cipó, foi preso o líder de uma das quadrilhas que atuavam em Salvador, Jairo Santos da Silva, o “Peu”. Ele fugiu do Nordeste de Amaralina, após o confronto com a polícia, em 25 de março e que resultou na morte do traficante Luís Fernando Anunciação da Cruz, o “Camisinha”, braço direito de Peu na venda de entorpecentes nas localidades do Vale das Pedrinhas, Chapada do Rio Vermelho, Candeal e adjacências.

Já a quadrilha, responsável pelo tráfico de drogas nas regiões da Santa Cruz, Boqueirão, Sucupira e Areal, liderada por Marcelo Henrique Menezes dos Santos, “o Elias”, ainda foragido, foi desarticulada. “Com a prisão de Fal e de Peu, Elias passa a ser a pessoa mais procurada no estado” enfatizou Barbosa, ao fazer um apelo à população para colaborar na sua captura.

Além de Peu, José Antônio, o “Bereu”, Luis Bitencourt do Nascimento, o “Sabugo”, Teoclisia Batista dos Santos, a “Isa”, Efigênia de Souza, a “Gina”, e Luciano Cardoso de Jesus, o “Lobão” foram capturados em Salvador e na Região Metropolitana.

Jogo da Memória

“O Fal era nosso ás de ouro e agora é carta fora do baralho”, afirmou, satisfeito, o secretário Maurício Teles Barbosa, ao anunciar um Jogo da Memória – já em funcionamento no site da Secretaria da Segurança Pública (www.ssp.ba.gov.br) – onde as cartas são as fotos dos criminosos mais procurados da Bahia.

Barbosa observou que esta é mais uma iniciativa para aproximar o cidadão da polícia, como prevê o programa Pacto Pela Vida. “Precisamos da participação da sociedade nesta transformação, já em andamento na área da Segurança Pública”, frisou.

©Site fundado em 09/10/2008 - Por: *Valter Egí - Todos os direitos reservados à Jacobina News*